O Terceiro Trimestre

30 de julho de 2017
O terceiro trimestre não é pêra doce. Fui abençoada com uma gravidez santa que não me deu enjoos, quebras de tensão ao mau estar no geral. E tenho uma bebé todo-o-terreno, que aguenta dias agitados em que chego a ter pena dela. Mas foi precisamente por ter mantido a minha vida normal que notei tanta diferença no terceiro trimestre. Ficamos lentas, cansadas, pesadas... Queremos fazer as coisas mas não conseguimos, planeamos o nosso dia mas só conseguimos fazer metade do que está na agenda... Uff!


No meu caso, que tenho uma barriga pequena, nem é o peso dela que me incomoda. Mas como o bebé já está encaixado em baixo, sentimos uma pressão enorme no fundo da barriga, que vai piorando ao longo do dia e que não nos deixa esquecer por um segundo que já não somos apenas uma pessoa. Somos duas, e temos mesmo de ir descansando. Sempre que há uma cadeira por perto, é nossa! Depois, não podemos fazer força nos abdominais, fase em que percebemos que (infelizmente) os usamos para tudo. Um simples levantar torna-se uma tarefa complicada... Para não falar na incrível falta de resistência física, na preguiça e no sono que se apoderam de nós de uma forma completamente incontrolável. Os níveis de energia ficam a negativo, piores ainda com este calor... Só apetece passar o dia no sofá, no fresquinho. Mas como a vida continua e há montes de coisas para fazer, basicamente passo o dia a arrastar-me!

É também uma altura em que já sentimos um friozinho na barriga cada vez que pensamos nas semanas faltam. Porque faltam tão poucas, passou tão rápido e parece que ainda há tanta coisa para preparar. Somos invadidas pelo nervosismo e pelas dúvidas - o que levar na mala para a maternidade, como vai ser o parto, em que dia vai acontecer, relembrando sempre mentalmente o que fazer se vierem as contrações. E por mais preparativos e planos que façamos, acho que nunca nos sentimos 100% preparadas para o grande dia.

Por outro lado, e apesar do cansaço e da ansiedade, sinto uma profunda tranquilidade. Sinto-me feliz e realizada, sinto que a minha vida faz mais sentido. Gosto de pensar que daqui a umas semanas vou conhecer a minha filha e que vêm aí tempos muito felizes, para nós e para toda a família e amigos, que esperam ansiosamente que esta menina nasça. Até já, Carminho!

2 comentários on "O Terceiro Trimestre"
  1. muitos parabéns ❤
    é um grávida linda e que a Carminho seja uma bebé muito saudável.
    que corra tudo bem, muitas felicidades Marta.

    beijinho *

    ResponderEliminar